Últimas Notícias

Acidente grave na BR-277 mata seis pessoas


Um acidente grave foi registrado no início da tarde desta terça-feira (6) na BR-277. Informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal (PRF) indicam que pelo menos seis pessoas morreram. Os números ainda podem ser atualizados.

O engavetamento envolveu oito caminhões e quatro carros. Segundo os policiais rodoviários federais, um caminhão teria saído da pista e ficado pendurado em uma das muretas de proteção da rodovia. Em seguida, os veículos que vinham logo atrás tentaram frear, mas chovia e havia neblina no local. O acidente foi registrado no Km 137 na pista sentido Ponta Grossa, em Balsa Nova. O trecho é de descida e curva. Um dos veículos envolvidos é um caminhão tanque que pegou fogo e as chamas foram combatidas pelos Bombeiros por mais de uma hora. Uma testemunha registrou imagens da tragédia.


ATENDIMENTO

Entre os feridos socorridos quatro foram encaminhados ao Pronto Socorro Municipal de Ponta Grossa. Outras duas vítimas, foram encaminhadas para o Hospital Nossa Senhora do Rocio, em Campo Largo. Entre eles Mayara Veronica Soares, gestante, de 25 anos que sofreu várias escoriações, mas está estável e não corre risco de morrer. No mesmo hospital de Campo Largo, José Carlos Molas, de 57 anos, sofreu fraturas e contusões, mas está estável.


INTERDITADO

A rodovia foi totalmente interditada, em ambos os sentidos. Equipes da PRF, do Corpo de Bombeiros e da concessionária Rodonorte trabalham no local.

Os veículos que seguiam em direção a Ponta Grossa foram orientados a retornar na contramão e o pedágio no sentido Ponta Grossa está fechado. Além disso, a pista sentido Curitiba também foi fechada pela PRF para que os caminhões do Corpo de Bombeiros chegassem ao local do acidente.


MAIS UM ACIDENTE

Há menos de duas semanas, outro grave acidente foi registrado na mesma rodovia. No dia 25 de maio, sete veículos – três carretas e quatro caminhões – se envolveram em uma colisão no Km 125 da BR-277, no sentido Curitiba.

Fonte: Rede Massa - Via Portal o Vale

Postar um comentário

0 Comentários