Últimas Notícias

img1

Retomada dos jogos, novos programas e incentivo ao esporte impactaram mais de 500 mil pessoas em 2021

 

As ações de esportes promovidas pelo Governo do Estado impactaram diretamente 500 mil pessoas em 2021. Desenvolvidas pela Superintendência Geral do Esporte, as atividades envolveram a retomada de jogos e competições, a criação de novos programas inovadores e ações de incentivos para modalidades esportivas e paradesportivas. Todas as ações visam aumentar a qualidade de vida de crianças, adultos e idosos.

O superintendente geral do esporte, Helio Wirbiski, lembra as dificuldades enfrentadas no início do ano, devido à pandemia do coronavírus, e a retomada no segundo semestre. “Cumprimos o planejamento completo de um ano em seis meses. Claro que tivemos sobreposições de eventos, mas também inovamos muito”, diz ele.

GERAÇÃO OLÍMPICA E PARALÍMPICA – A edição 2021 do programa ofertou 1.250 bolsas e teve um aporte financeiro de R$4,75 milhões - patrocínio exclusivo da Copel. A edição foi marcada pela consolidação de dez anos do programa. Foram 35 bolsistas convocados para os Jogos de Tóquio, sendo 25 paralímpicos e dez olímpicos (27 atletas e oito técnicos). Os beneficiados pelo programa trouxeram nove medalhas - três de ouro, duas de prata e quatro de bronze.

PROESPORTE - O Programa Estadual de Fomento e Incentivo ao Esporte permite ao contribuinte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) destinar parte do valor do imposto a recolher para projetos esportivos. O Governo do Paraná destinou R$ 2 milhões para o primeiro edital (2018), R$ 8 milhões para o segundo (2019) e R$ 9 milhões para o terceiro (2020). Este último foi recordista, chegando a um total de 80 projetos selecionados. Os três editais totalizam investimento de R$ 20 milhões, alcançando mais de 156 mil pessoas envolvidas diretamente com os projetos.

JOGOS OFICIAIS

VERÃO PARANÁ – A edição 2020/2021 foi voltada à prevenção à Covid-19, com orientação a veranistas e moradores sobre os cuidados em relação à pandemia. Foram feitos 300 mil atendimentos em 40 eventos, com 150 profissionais envolvidos em atividades de esporte, de lazer e recreação.

JOGOS ESCOLARES - O Paraná foi o primeiro estado a retomar as competições escolares, com a realização da 67ª edição dos JEPS no dia 7 de agosto. Aproximadamente 800 instituições de ensino, públicas e particulares, se inscreveram nesta edição, que contou com 11 modalidades (além de três disputadas de maneira online) em oito municípios sedes, totalizando 8 mil participantes em 2021. Também foram 3.297 alunos inscritos nos JEPS Eletrônicos, com o total de cinco modalidades. Já os JEPS Bom de Bola tiveram um alcance de 1.000 participantes.

JOGOS UNIVERSITÁRIOS - Marcando a retomada dos jogos oficiais de rendimento no Paraná, quatro municípios do Norte do Estado - Apucarana, Arapongas, Cambira e Jandaia do Sul - sediaram a 60ª edição dos JUPS. A competição ocorreu em 28 de agosto, com 50 equipes, de 11 universidades, com a participação de mais de 500 pessoas.

JOGOS DA JUVENTUDE - Nesta 33ª edição dos JOJUPS, iniciada em 11 de setembro, foram disputadas 12 modalidades com representantes de 231 municípios na etapa regional e 66 na etapa estadual. Cerca de 8 mil pessoas participaram da etapa regional com 2.300 participantes na etapa estadual.

JOGOS ABERTOS - Com início em 12 de setembro, a 63º edição dos JAPS contou com 12 modalidades e cerca de 11.600 participações na etapa regional, com representantes de 232 municípios. Também participaram 45 municípios e quase 2.200 participantes na etapa estadual.

JOGOS ABERTOS PARADESPORTIVOS - Disputados em Londrina, de 29 a 31 de outubro de 2021, os Parajaps marcaram o retorno das competições paradesportivas no Paraná e contaram com mais de 1600 pessoas envolvidas, de 29 municípios. Foram disputadas 14 modalidades.

JOGOS DE AVENTURA E NATUREZA - A primeira edição ocorreu em 2019 e se destacou por ser um projeto inovador, que une prática esportiva, turismo e natureza em eventos itinerantes. Em 2021, a competição ocorreu em duas etapas: Litoral (início 29 de outubro), com 12 modalidades disputadas e participação de 3 mil pessoas, e Lindeiros (início 26 de novembro), que finalizou com o atendimento de mais de 5 mil atletas, em 12 cidades e 17 modalidades.

NOVOS JOGOS

JOGOS ABERTOS DO PARANÁ MASTER - O JAPS Master, realizado entre 4 a 7 de setembro, no Litoral, foi criado para atender uma demanda da comunidade esportiva que desejava uma competição para os atletas que já não participam de campeonatos de alto rendimento, mas mantém suas equipes disputando algumas partidas amistosas. Inédita, a competição reuniu 537 participantes e ofereceu cinco modalidades: voleibol em Guaratuba, basquete em Matinhos, handebol em Pontal do Paraná e futsal em Paranaguá

JOGOS DA INTEGRAÇÃO DO IDOSO – O objetivo principal é estimular a participação e o lazer por meio de atividades esportivas adaptadas, recreativas, artísticas, socioculturais e de integração. A competição, que aconteceu entre 18 a 23 de outubro, reuniu cerca de 3 mil participantes em dois municípios: Guaratuba, onde aconteceram as competições, e Pontal do Paraná, onde ocorreram as oficinas. Também foi oferecida uma capacitação aos profissionais de Educação Física que trabalham com idosos nos municípios do Estado do Paraná.

PARANÁ COMBATE - Inédita no Estado e no país, o Paraná Combate aconteceu de 13 a 15 de novembro de 2021, em Londrina (Norte). Entre atletas e equipe técnica, compareceram 1.614 pessoas. Foram disputadas dez modalidades de lutas: Boxe, Capoeira, Jiu-jitsu, Judô, Karatê, Kickboxing, Kung-Fu, Muay thai, Taekwondo e Wrestling.

BOM DE BOLA – A edição teve mais de 80 jogos disputados em seis municípios, com modalidades femininas e masculinas. Foram 153 municípios representados nas competições e cerca de 7 mil participantes.

NOVOS PROJETOS

O ESPORTE QUE QUEREMOS – Iniciativa pioneira do Governo do Estado, em parceria com a Universidade Federal do Paraná, a proposta é criar um sistema que permita o aprimoramento das políticas públicas municipais, visando o desenvolvimento esportivo das diferentes regiões respeitando suas demandas e vocações.

PEDALA PARANÁ - Realizado em cooperação com entidades parceiras, a proposta é de criação de ciclorrotas em áreas turísticas e de prática da modalidade. Os locais são mapeados e contam com sinalização e totens de apoio aos ciclistas. Somente neste primeiro ano foi desenvolvido um projeto com 80 ciclorrotas que alcançaram a marca de 5.114 participantes.

ESCOLA DE ESPORTE - Visa promover, organizar e executar diversos cursos de capacitação e formação continuada e parcerias com grupos de pesquisas em ciências do esporte. Em 2021 foi realizado o curso de especialização Lato Sensu em Gestão Pública do Esporte, com cooperação técnica da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). Foram 955 inscritos para 300 vagas na sua primeira edição - 254 alunos concluíram o curso após o cumprimento das atividades. Também foi estabelecida cooperação técnica com o projeto de extensão “Formação de Treinadores”, da Universidade Estadual de Londrina (UEL), que já realizou quatro etapas de cursos e mais cinco lives com diferentes temáticas, com mais de 50 mil visualizações nas aulas gravadas no YouTube.

CENTRO NACIONAL DE TREINAMENTO EM ATLETISMO – O complexo esportivo ligado ao Ministério dos Esportes do Brasil, localizado em Cascavel, foi inaugurado em fevereiro de 2021. O CNTA conta com equipamentos de ponta para o treinamento de atletas e técnicos em competições oficiais. Também abriga uma estrutura de treinamento e acompanhamento médico, odontológico e psicológico, nutrição, fisiologia esportiva. Em outubro, foi sede das competições de atletismo na etapa estadual dos Jogos da Juventude do Paraná e dos Jogos Abertos do Paraná.

JOGOS ESCOLARES BRASILEIROS – Na edição 2021 o Paraná foi campeão, com 79 medalhas (27 de prata, 30 de bronze e 22 medalhas de ouro). Dessas conquistas, 32 são medalhas do programa Geração Olímpica - cerca de 40% das medalhas conquistadas por atletas do Estado.

SULAMERICANO DE GINÁSTICA - A Seleção Brasileira participou do Sul-Americano de Ginástica Rítmica, conquistando 49 medalhas - 35 delas por atletas do Paraná. Destas conquistas, 26 medalhas são de atletas bolsistas do Geração Olímpica e Paralímpica: 17 atletas e duas técnicas bolsistas.

MUNDIAL DE GINÁSTICA RÍTMICA - Bárbara Domingos, bolsista do Geração Olímpica e Paralímpica, foi a primeira brasileira a disputar a final individual geral no Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica em Kitakytushu, no Japão, entre 18 a 24 de outubro de 2021. No mesmo Mundial, e pela primeira vez na história, a seleção brasileira de conjuntos (que tem uma integrante representando o Paraná) se classificou para a final do aparelho 5 bolas.

PARALIMPÍADAS ESCOLARES - Entre os dias 23 e 26 de novembro, o Paraná marcou presença nas Paralimpíadas Escolares com uma delegação de 62 pessoas. Foram 35 atletas e 37 medalhas conquistadas – 10 de ouro, 14 de prata e 13 de bronze.

Técnico do Geração Olímpica e Paralímpica descobre talentos e qualifica o boxe paranaense

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE PARANAENSE - Reaberto em 2019 com a exposição virtual “Os Craques da Bola”, em 2021 foram inauguradas duas exposições virtuais: a primeira foi dos “Jogos da Integração ao Idoso” e a segunda do “Verão de todos os tempos”.

ENCONTRO DE GESTORES - Entre os dias 2 e 3 de novembro, Foz do Iguaçu sediou o VII Encontro de Gestores do Esporte do Paraná, que reuniu mais de 500 pessoas, de todas as regiões do Estado. Com o tema “O Esporte que Queremos”, a iniciativa busca a elaboração de políticas públicas de esporte nos municípios.

RETORNO DAS ATIVIDADES - Com o avanço da campanha de vacinação contra a Covid-19, diversas atividades retornaram na sede da Paraná Esporte. A academia retomou o atendimento aos funcionários e comunidade, inclusive com aulas dedicadas aos idosos da região; as clínicas de futebol, rugby e vôlei voltaram a acontecer semanalmente e as atletas de ginástica artística e rítmica retornaram com programa diário de treinamento. Todas as atividades seguem os protocolos de segurança sanitária.


FONTE: AEN

https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Retomada-dos-jogos-novos-programas-e-incentivo-ao-esporte-impactaram-mais-de-500-mil


Postar um comentário

0 Comentários