Últimas Notícias

img1

Estado libera condomínio de idosos e ampliação de aterro sanitário em Campo Mourão

 

Os 25 municípios que integram a 11ª Regional de Saúde do Paraná receberam 58 novos veículos para serem utilizados pela Estratégia da Saúde da Família (ESF). O investimento do Governo do Estado é de R$ 2 milhões. A entrega foi feita pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, nesta sexta-feira (17), durante visita a Campo Mourão,
Foto: Gilson Abreu/AEN

Campo Mourão, na região Centro-Oeste, é mais uma cidade do Paraná a receber um condomínio residencial exclusivo para idosos do Governo do Estado. O anúncio da licitação para contratação da construtora responsável pela obra foi feito pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior durante visita ao município nesta sexta-feira (17), onde realizou também a entrega de veículos para a 11ª Regional de Saúde.

O projeto faz parte do programa Viver Mais Paraná, referência no País em ações voltadas para a terceira idade, e vai receber cerca de R$ 6 milhões de investimento do tesouro estadual, sob a coordenação da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar).

“Esse projeto é especial, faz parte de uma política que estamos criando para os idosos. O Paraná é o Brasil estão envelhecendo, precisam se preparar para atender essa parcela numerosa da população. E o condomínio do idoso é isso: reunir em um único lugar serviços que possam ajudar os mais velhos a tocar a vida, com assistência, saúde, recreação e convivência entre si”, destacou Ratinho Junior.

A proposta visa a construção de 40 casas adaptadas para os idosos em um condomínio horizontal fechado com sistema de segurança 24 horas. Os moradores poderão usufruir de diversas estruturas e equipamentos de uso comum, como academia ao ar livre, ambulatório, biblioteca, centro de convivência, piscina térmica, biblioteca, horta comunitária e quiosques de jogos.

Os moradores também receberão visitas periódicas de médicos, enfermeiros, educadores físicos e assistentes sociais do município. O acompanhamento é uma das contrapartidas da Prefeitura de Campo Mourão, que também realizou a doação da área onde o condomínio será construído.

“A obra aqui em Campo Mourão vai começar nos próximos dias, a estrutura vai contar com médicos, enfermeiros, academia ao ar livre, hidroginástica e salão para organizar festas. É um ambiente pensado para o idoso, algo pioneiro no País”, afirmou o governador.

COMO PARTICIPAR – Podem participar do processo seletivo pessoas sozinhas ou em casal com 60 anos ou mais, que não tenham casa própria e possuam renda de um a seis salários mínimos. A prioridade de atendimento entre aqueles enquadrados nos critérios de idade e renda será para as pessoas de menor poder aquisitivo ou que vivem em condições precárias na cidade.

As inscrições devem ser feitas no site cohapar.pr.gov.br/cadastro, onde os interessados deverão preencher uma ficha com dados pessoais, financeiros, de condições de moradia e de composição familiar.

Em caso de dúvidas, é possível obter ajuda via telefone ou WhatsApp da regional da Cohapar em Campo Mourão pelo número (44) 3515-2450. Quem tiver dificuldades de acesso à internet ou no uso de aparelhos eletrônicos também pode entrar em contato para agendar um atendimento presencial e realizar o cadastro com a assistência de técnicos da companhia.

Diferentemente de outras modalidades habitacionais, as casas do Viver Mais não são vendidas ou doadas aos contemplados, mas cedidas por tempo ilimitado para usufruto dos beneficiários. Ao serem desocupadas, outros idosos inscritos, de acordo com os critérios de prioridade, são convocados pela Cohapar para residirem no condomínio, o que dá ao programa um caráter permanente.

VIVER MAIS – O Governo do Estado concluiu a construção de condomínios para idosos em Jaguariaíva, Foz do Iguaçu e Prudentópolis e há obras em andamento em Cornélio Procópio, Irati e Telêmaco Borba. Também há contratos assinados para projetos em Cascavel, Ponta Grossa e Francisco Beltrão, todos em fase de execução do projeto construtivo.

A meta do Governo do Estado é chegar a 21 municípios contemplados pela iniciativa até o fim de 2022, com um total de 840 unidades habitacionais.

SUSTENTABILIDADE – Ainda durante o evento, Ratinho Junior formalizou o convênio para a ampliação do aterro sanitário da cidade. O investimento por parte do Instituto Água e Terra (IAT), vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo (Sedest) é de R$ 2.148.815,88, com contrapartida municipal de R$ R$ 89.533,99.

A ampliação do local deverá garantir a destinação correta dos resíduos sólidos por pelo menos três anos. Atualmente o aterro recebe cerca de 2 mil toneladas de lixo por mês. Para evitar a contaminação do solo, subsolo, ar e água o equipamento conta com um sistema com impermeabilização e uma manta de geomembrana.

“O Paraná é número 1 em sustentabilidade do Brasil e também lidera o ranking de ações voltadas para o meio ambiente, tudo atestado pela OCDE. E aqui em Campo Mourão não poderia ser diferente”, disse o secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Márcio Nunes.

Houve também, por parte da Sedest, o repasse de um caminhão limpa fossa, dentro do programa de Patrulha Ambiental. O equipamento consegue aspirar qualquer resíduo que esteja no reservatório e, assim, o armazena no tanque para transportar e descartar em um local apropriado. O investimento é de R$ 360 mil.

“Desenvolvimento verde é o assunto do momento no mundo. E nós aqui no Paraná estamos acompanhando com diversos programas ambientais”, ressaltou o secretário.

PAVIMENTAÇÃO RURAL – Já a Secretaria da Agricultura e Abastecimento (Seab) formalizou dois convênios para pavimentação de estradas rurais com pedras poliédricas. Serão três trechos em Campo Mourão (Estrada Campo Bandeira até o limite com o município Peabiru; Estrada Campo Bandeira ao Ramal Jurandir Cita e Estradas das Hortas), totalizando cinco quilômetros e investimento de R$ 1,36 milhão.

“O Paraná vive um momento único, de união, o que traz resultados para a população. O município, sozinho, não tem condição de fazer frente a todas essas demandas, por isso o apoio do Governo do Estado é fundamental”, disse o prefeito de Campo Mourão, Tauillo Tezeli.

PEABIRU – Já em Peabiru, município vizinho, recebeu recursos para outra pavimentação, no trecho Silviolândia. Os recursos totalizam R$ 1,5 milhão.

PRESENÇAS – Participaram do evento os deputados estaduais Alexandre Curi e Douglas Fabrício; o diretor-geral da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, Lúcio Tasso; o chefe regional da Seab em Campo Mourão, João Ricardo Rissardo; o chefe da 11ª Regional de Saúde, Eurivelton Wagner Siqueira; o prefeito de Araruna e presidente da Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão (Comcam), Leandro Oliveira; a vice-prefeita de Campo Mourão, Fátima Nunes; o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Jadir Pepita; além de lideranças políticas e empresariais da região.


Fonte: AEN

https://www.aen.pr.gov.br/Noticia/Estado-libera-condominio-de-idosos-e-ampliacao-de-aterro-sanitario-em-Campo-Mourao


Postar um comentário

0 Comentários