Últimas Notícias

CONSCIENTIZAÇÃO - Campanha pede que famílias não comprem coelhos na Páscoa

Mariana Dandara | Redação ANDA

O objetivo da ação, realizada desde 2019, é despertar a compaixão da população em relação ao sofrimento desses animais


Foto: Pixabay/Ilustrativa

A terceira edição da campanha Páscoa Alternativa, realizada pelo Governo do Paraná através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo, mais uma vez aposta na educação como arma de conscientização da sociedade e pede para que as famílias não comprem coelhos na Páscoa, tampouco os trate como presentes.

O objetivo da ação, realizada desde 2019, é despertar a compaixão da população em relação ao sofrimento desses animais. Objetificados, eles são comprados por famílias que agem por impulso por conta das comemorações de Páscoa e, muitas vezes, são abandonados quando a euforia causada pela data passa.

O Governo do Paraná lembrou que muitos coelhos são encontrados em praças, parques e lixeiras e, como o estado registra baixas temperaturas no inverno, parte desses animais morrem de frio. Muitos também perdem a vida em decorrência da desnutrição causada pela fome, de atropelamentos e de brigas com outros animais.

A campanha, no entanto, não foca apenas em quem compra o coelho para si mesmo, mas também naqueles que efetuam a compra para entregar o animal a uma terceira pessoa, tratando-o como um presente e não como um ser vivo que demanda cuidados e responsabilidade. Nestes casos, quem recebe o coelho nem sempre está disposto a cuidar dele da melhor forma e, por isso, casos de maus-tratos ocorrem, como alimentação inadequada, aprisionamento em gaiolas e manutenção do animal em ambiente insalubre por falta de limpeza rotineira.

Para solucionar o caso e oferecer uma alternativa às pessoas que se encantam pela fofura dos coelhos e querem que esse simbolismo faça parte das comemorações de Páscoa, a campanha orienta as famílias a comprar coelhos de pelúcia e de chocolate, evitando, assim, casos de maus-tratos e abandono.

Fonte: www.anda.jor.br
Anda - Agência de Notícias dos Direitos dos Animais

Postado pelo jornalista Claudinei Prado - MTPS 23.455/SP e IFJ 674 BR

Postar um comentário

0 Comentários