Últimas Notícias

Obras de presídio de Campo Mourão serão retomadas

Em audiência realizada em Curitiba, com o secretário do Esporte e Turismo, deputado Douglas Fabricio, o diretor da Paraná Edificações, Luiz Jamur e o vereador de Campo Mourão, Sidnei Jardim, foi informado que as obras do sistema penitenciário do município serão retomadas. 

Os contratos tinham sido suspensos porque foi avaliada a necessidade de destinar mais vagas ao sistema fechado. O semiaberto receberá quase R$ 4 milhões enquanto o previsto para o fechado é quase R$ 9 milhões. 

O sistema contará com duas novas unidades totalizando, 572 novas vagas. 

Com parceria entre o Governo Estadual, o Ministério da Justiça e tendo a Caixa Econômica Federal como agente financeiro, os projetos foram readequados. No mês de março, será protocolado o novo cronograma físico financeiro para a retomada das obras em abril e previsão de conclusão em 12 meses.

O investimento na área de segurança da região COMCAM, faz parte de um programa que inclui a construção de unidades prisionais em 20 municípios do estado. Devido ao pedido de lideranças regionais, Campo Mourão será a primeira cidade a ter a penitenciária. Em seguida serão concluídas unidades de Piraquara e Cascavel. 

“Viemos comunicar o deputado Douglas Fabrício e o Juiz de Direito da Primeira Vara Criminal e Corregedor dos Presídios da Comarca de Campo Mourão, Fabrício Voltaré, de que há um planejamento adequado para a instalação do sistema presidiário não ter interferência na vida dos moradores de Campo Mourão. Vamos garantir o melhor atendimento à população”, afirmou o diretor da Paraná Edificações, Luiz Jamur. 

O deputado Douglas Fabricio ficou satisfeito com a retomada das obras do sistema prisional e considera o investimento um avanço para a segurança de Campo Mourão. 

“Saímos contentes desta audiência. Estas unidades vão desafogar as delegacias da região. Felizmente a Secretaria de Segurança está atendendo nossas reivindicações com determinação”, afirmou Douglas. 

O vereador Sidnei Jardim destacou o investimento que o município receberá de R$ 13 milhões e o trabalho entre as lideranças políticas para a retomada do projeto. 

“As obras tinham sido paralisadas e devido nossa solicitação vão retornar após a reorganização dos projetos. Com a força política do deputado Douglas, Campo Mourão será a primeira cidade a ter o novo sistema penitenciário”, disse o vereador.

Postar um comentário

0 Comentários