Em tempo vale a pena registrar

Quem conhece o prudentopolitano Marcelo Artungui, um mix de professor de educação física, personal, empresário e tri-atleta, sabe da sua irreverência e do seu carinho pelos ancestrais de Prudentópolis. Ao longo dos anos, Marcelo tem demonstrado, com muito bom humor, que é possível qualquer pessoa se destacar em uma atividade esportiva sem grandes investimentos em equipamentos.

Porém, neste domingo (11 de novembro), ele mais uma vez se superou e conquistou o segundo lugar  no 10º Desafio Serra do Rio do Rastro – Speed e Mountaiun Bike, disputado na estrada da Serra do Rio do Rastro, em Bom Jardim da Serra, no Estado de Santa Catarina. Segundo a Federação Catarinense de Ciclismo (FCC), cerca de 700 atletas, em 24 categorias, participaram desta edição, que foi dividida em duas modalidades: estrada e mountain bike.

Na sua já inseparável “barra circular”, Marcelo Artungui conquistou a segunda colocação na categoria Bike Fixa (sem troca de marchas).
Nas redes sociais, Marcelo Artungui comemorou o feito e dividiu a sua conquista.

“Prova muito dura porém a preparação foi mais dura ainda, recuperando de lesão consegui fazer uma prova excelente competindo com a barra forte consegui peladalar sem descer da bike até o km 16 dos 23km da serra depois alternava nas subidas mais fortes com corridas e pedaladas consegui fechar a prova em 1:43h um tempo muito abaixo do esperado que era 2hrs ... Mais uma vez provando que não importa a roupa a classe social nem a bicicleta, o que vale é o amor e a dedicação pelo esporte!


Vice campeão bike fixa."
O principal recado de Marcelo Artungui, a todos que têm desejo e vontade de praticar uma atividade esportiva é ”se jogue, pois é você quem faz a diferença e não o seu equipamento”.

Fonte: guarapuavanonoticias.blogspot.com