Últimas Notícias

Operação Carnaval: Número de acidentes e feridos reduzem 39% em relação a 2017


A Operação Carnaval 2018 da PRF teve início na Sexta-feira (09) e encerrou-se a meia-noite de ontem (14).

Nos 06 dias da operação foram registrados, nos 795 quilômetros de rodovias federais atendidas pela Delegacia da PRF de Cascavel, 14 acidentes, com 10 pessoas feridas e 01 óbito. No feriado de carnaval do ano passado foram registrados 23 acidentes, com 26 pessoas feridas e 01 óbito.

Acidente com óbito

O único acidente com óbito ocorreu na tarde de sexta-feira(09), no km 112 da BR 487, em Cruzeiro do Oeste.

O acidente envolveu um Renault/Sandero, placas de Sarandi, que seguia Campo Mourão para Cruzeiro do Oeste, quando o condutor perdeu o controle do veículo, invadiu a pista contrária e colidiu frontalmente em um Honda/Civic, placas de São Paulo-PR, que seguia no sentido oposto.

O condutor do Sandero, de 48 anos de idade, morreu no local do acidente, ele era o único ocupante do veículo. No Civic havia 03 ocupantes, o motorista de 55 anos, e dois passageiros, um homem de 42 anos e uma criança de 09 anos. Todos os ocupantes da do Civic tiveram ferimentos leves e foram encaminhados para o Pronto Socorro de Cruzeiro do Oeste.

Combate a Alcoolemia

Durante a operação, 774 condutores foram submetidos ao teste de etilômetro, extraídos 24 autos de infração por dirigir sob influência de álcool, sendo que 04 condutores foram presos por apresentar teor alcoólico acima de 0,30 mg/l (miligramas por litro de ar expelido dos pulmões).

Os condutores que foram flagrados dirigindo sob influência de álcool receberão uma multa no valor de R$ 2.934,70, além de terem seu direito de dirigir suspenso pelo prazo de um ano. Os condutores que foram presos, além da multa e da suspensão do direito de dirigir, ainda responderão um processo criminal podendo ser condenados a pena de reclusão de 6 meses a 3 anos.

Combate ao Excesso de velocidade

Em todos os dias da Operação houve a operação de radares nas rodovias, sendo que 1.310 veículos foram flagrados acima do limite de velocidade.

Os condutores que foram flagrados acima do limite máximo de velocidade permitido receberão uma multa que pode variar de R$ 130,16 a R$880,41, dependendo do excesso de velocidade constatado. Nos casos mais graves, além da multa o condutor ainda terá o seu direito de dirigir suspenso pelo período de 02 a 08 meses.

Ainda houve 130 condutores autuados por realizar ultrapassagem indevida, 103 autuações por não utilização do cinto do segurança, sendo que 15 envolviam crianças ou bebês.

Fonte: Rádio Educadora 1120

Postar um comentário

0 Comentários