Últimas Notícias

TSE Divulga limites de gastos de campanha para prefeitos e vereadores

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou, na semana passada, os valores máximos que os candidatos poderão gastar nas campanhas eleitorais de 2016. Os valores têm como referência os gastos dos candidatos na campanha eleitoral de 2012 e foram atualizados por meio do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) dos últimos 4 anos.


Nos municípios com menos de 10 mil eleitores, os valores foram fixados em R$108.039,06 para a campanha de prefeito e R$10.803, 91 para as campanhas de vereadores. Na região central se enquadram nessa situação as cidades de Reserva, Santa Maria do Oeste, Roncador, Iretama, São Pedro do Ivaí, Nova Tebas, Nova Cantu, Laranjal, Rosário do Ivaí, Boa Ventura do São Roque, Lunardelli, Lidianópolis, Rio Branco do Ivaí, Arapuã, Campina do Simão, Mato Rico, Cruzmaltina, Godoy Moreira, Ariranha do Ivaí. 

Nos municípios de Manoel Ribas, Mauá da Serra, Borrazópolis, Turvo e São João do Ivaí, o gasto máximo de prefeito está no piso determinado pela Justiça Eleitoral, mas os gastos de cada vereador são um pouco maiores.

Em Ivaiporã, os candidatos a prefeito tem um teto de R$417.913,56 e para vereador o teto é de R$20.936,31. Em Faxinal, o prefeito pode gastar até R$256.108,19 e o vereador R$31.397,08. Em Pitanga, o limite é de R$245.063,15 para o Executivo e R$ 20.144,84 para Legislativo.
Em Palmital, o gasto máximo será de R$245.642,08 para prefeito e para vereador R$15.795,86. Em Jardim Alegre, a campanha de vereador segue o piso mínimo e o prefeito pode gastar até R$196.527,20.

Também foi estipulado o número máximo pessoas que podem ser contratadas nas campanhas eleitorais. Em Ivaiporã, cada candidato a prefeito pode contratar até 246 cabos eleitorais e em Pitanga 266 pessoas. Em Ariranha do Ivaí, os candidatos a prefeito só podem contratar 24 cabos eleitorais.


Fonte: http://www.paranacentro.com.br/

Postar um comentário

0 Comentários